Como fazer um novo funcionário ter alta performance segundo o Google

Categoria(s): Produtividade & RH
28 de agosto de 2019
por Larissa Florindo

O Google é uma referência mundial na gestão de pessoas. Veja como a empresa capacitou e preparou novos funcionários para terem alta performance.

Laszlo Bock é ex-chefe da área de RH do Google e obcecado em otimizar a felicidade dos funcionários. Não é por acaso, que o Google continua por anos, a ser a empresa mais desejada em se trabalhar.

Em suma, esse desejo vem dos generosos benefícios e mordomias que a empresa oferece aos googlers. Tais criações vieram da cabeça de Bock, no seu mandato de 10 anos como chefe das operações de RH da empresa.

Agora, Bock é o CEO de sua própria startup, a Humu. Posteriormente, após uma década observando o sucesso dos funcionários de alto desempenho do Google, ele compartilha os aprendizados em livro, palestras e onde mais for possível.

Durante esses anos no Google ele observou que há dois fatores que potencializam o alto desempenho dos funcionários.

Criando conexões e potencializando a alta performance

Uma das muitas iniciativas de Bock no Google era ajudar os novos contratados a encontrarem rapidamente o seu lugar ao sol. Assim, eles se destacariam no trabalho. No entanto, ele usou dados de funcionários atuais para ajudar nessa etapa.

Compartilhando as práticas e comportamentos dos melhores funcionários com os novatos, houve um aumento de 2% na produtividade nos recém contratados. Isto é, cerca de US$ 400 milhões em um único ano!

1. Torne-se um mestre de perguntas

Todos nós já vivemos o primeiro dia de trabalho. Tudo é novo, e você tem zero contexto para muito do que foi feito antes da sua chegada. Todo mundo está falando uma linguagem que você ainda não está adaptado. Logo, você desconhece o processo de como o trabalho é feito.

Entretanto, para não parecer burro ou falador, você opta por ficar de boca fechada e orelhas bem atentas. Porém, com essa “metodologia”, o aprendizado leva muito mais tempo. E convenhamos: certas coisas não serão ditas a não ser que você pergunte.

Bock aconselhava que o novo funcionário fizesse perguntas – muitas perguntas. Sim, essa era a orientação de RH do Google aos novos contratados. 

O aprendizado é muito mais rápido se o profissional perguntar, comentar, pedir conselhos e esclarecimentos sobre o que não conhece. 

O líder da área apreciará a iniciativa e o esforço do recém chegado em tentar entender os processos e a forma de trabalho. 

2. Coloque-se no lugar de feedback

Outro conselho dado pelo RH do Google aos novos contratados foi pedir feedback com antecedência e frequência.

Esse comportamento ajuda a descobrir rapidamente o que está funcionando e o que não está. Além disso, torna o profissional proativo e focado em melhorar o desempenho e as habilidades.

Agendar o one-a-one com o líder da área, a cada uma ou duas semanas, é uma excelente forma para alinhar expectativas e realizar entregas muito mais produtivas e de qualidade. O ideal é que nesse encontro o profissional traga perguntas e desafios específicos que o líder possa ajudá-lo. 

Checar regularmente o progresso ajudará o profissional a atingir metas ao longo do tempo. 

É importante contextualizar a equipe para que eles saibam que os novos funcionários terão esse comportamento mais “questionador”. Assim, eles poderão ajudar sem interpretações errôneas.

Quais comportamentos você motiva os recém-chegados a adotarem para terem alta performance?

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *