Gestão de tempo: você está conseguindo fazer?

Categoria(s): CIA DE TALENTOS & Gestão
18 de dezembro de 2020
por Recrutamente.com

Você já se pegou reclamando sobre nunca ter tempo livre para nada? Já encontrou dificuldade para organizar suas demandas, precisou conciliar duas ou mais tarefas e se sentiu perdido em um oceano de compromissos? Se sua resposta for “sim”, esse artigo vai mudar a forma como você lida com a sua rotina.

Reflita brevemente: o que você faria se o seu dia tivesse uma hora a mais?

Entre o público jovem, é comum e compreensível que “dormir” seja a primeira resposta, já que a grande maioria precisa lidar com uma agenda que envolve trabalhar e estudar.

Enquanto fazemos algumas considerações, reflita sobre o que você faria. Voltaremos nessa pergunta mais para adiante.

Por onde começar uma gestão de tempo?

Mas, afinal, o que é o tempo?

Pode-se dizer que ele é um bem inelástico. Muitas vezes, agimos na ilusão de que estamos ganhando mais tempo, mas é preciso considerar que não há possibilidade de negociação, se esticamos algo por aqui, certamente faltará por ali.

Vivemos como se ele não tivesse limites, mas é preciso considerar que tudo em nossa vida acontece dentro de determinados períodos. Ter a consciência de que somos seres temporais permite que nossas metas sejam mais bem aproveitadas.

As 24 horas diárias são universais para qualquer cultura no mundo, o que se diferencia nesse aspecto é o modo como cada grupo gasta ou investe essas horas.

A relação entre gestão de tempo e tecnologia

Assim como a tecnologia do mundo globalizado tornou as distâncias menores ou menos perceptíveis, o impacto em relação ao tempo passa por um fenômeno parecido. Hoje, esperar 1 minuto ou 30 segundos por uma resposta no celular pode parecer uma eternidade para algumas pessoas.

Trabalhamos em “tempo real” junto aos clientes, parceiros, fornecedores e equipes, mas é preciso se atentar ao fato de que adquirir mais agilidade implica também em maior competitividade.

Protagonistas do próprio relógio

Pensar em melhoria para gerenciar o tempo implica, necessariamente, em revisar como o distribuímos. O que significa que o primeiro passo é nos responsabilizar pela forma como distribuímos as 24 horas que dispomos.

Caso essa apropriação não aconteça, seguimos a tendência de nos colocar como agentes passivos e, nesse caso, a aposta é certa: seremos massacrados por um número cada vez maior de atividades, informações, distrações, etc. E como você já deve saber, tudo em excesso atrapalha.

É preciso estabelecer nossas prioridades para dividirmos a atenção, lembrando de considerar tudo que é importante em nossas vidas: família, carreira, relações sociais, atividade física, vida espiritual, atividades de autodesenvolvimento e tantas outras possibilidades que nos cercam.

Parece um ponto simples e óbvio? Sim! Mas muitos de nós ainda carregam a sensação permanente de devedor, tanto em relação ao outro, como a nós mesmos, não é?

Por onde o controle escapa?

A procrastinação é uma realidade que assombra todos nós direta ou indiretamente. Todos temos estilos próprios de se perder entre o agora e o depois. Você pode pensar: “Primeiro vou ler os e-mails. Depois vou reestruturar minha lista de ‘to do’ e, ah… isso é só para a próxima semana, trabalho melhor sob pressão mesmo”, e muitas outras frases que expressam maneiras de deixar algo sempre para mais tarde.

Além dos fatores de procrastinação, ainda contamos com elementos em nosso dia a dia que, literalmente, roubam nosso tempo. Uns podem ser controlados, enquanto outros não. Alguns exemplos:

  • Reuniões em excesso;
  • Telefone;
  • Redes sociais;
  • O líder.

Em um período normal – sem a existência de uma pandemia como a que vivemos com o Covid-19 –, é preciso identificar todos os elementos sobre os quais temos controle e que podem roubar nosso foco, atenção, produtividade e, principalmente, nosso tempo!

Leia mais:

Gestão remota: como liderar sua equipe?

Como trabalhar de casa? 4 passos para ajudar no home office!

Perto ou à distância: juntos podemos muito!

O que fazer para ter mais tempo em épocas de Covid-19?

Analise, priorize e exerça seu poder de escolha para definir as tarefas que receberão sua atenção em cada período do seu dia. Esse é o único caminho possível. E existem muitas ferramentas que podem nos ajudar com essa organização.

Como o foco no nosso artigo é proporcionar maior controle do tempo em nossas mãos, destacamos o Rescue Time, um aplicativo em que você consegue fazer o acompanhamento online das tarefas. Ele registra o desenvolvimento e informa quanto tempo é desperdiçado com procrastinação.

Em tempos de Covid-19, priorizar e organizar nossas atividades inclui a necessidade de definir em conjunto com seu líder e equipe de trabalho quais serão os horários de trabalho e momentos de descanso.

Em decorrência do isolamento social, somos bombardeados positivamente por uma onda gigante de atividades online, mas aqui também cabe a reflexão sobre quais fazem parte das nossas prioridades para escolhermos aquelas que atendem o que tem maior importância em nossa vida pessoal e profissional.

Vale sempre lembrar que o descanso não é desperdício, mas investimento em saúde, produtividade e criatividade.

Voltando ao início

Levando em consideração que agora você está 100% no controle do seu tempo, o que decide fazer com aquela uma hora extra no seu dia?

Não se esqueça que, em qualquer ocasião, você sempre deve fazer uma boa gestão de tempo.

Vai lá e faz!

Se quiser conhecer mais dicas de ferramentas e organização, baixe gratuitamente nosso e-book sobre Gestão de Tempo e assista ao webinar que fizemos sobre o tema. Até mais!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.