Taxa de retenção dos funcionários: por que você precisa se preocupar com esse cálculo?

7 de junho de 2021
por Evelim Wroblewski

Você já calculou quanto tempo e dinheiro a sua empresa perde com uma baixa taxa de retenção dos funcionários?

Manter os melhores funcionários exige uma estratégia de gestão de pessoas em constante evolução. Primeiramente, porque os desejos e necessidades dos colaboradores mudam com o tempo. Em segundo lugar, porque a dinâmica do mercado também oscila com frequência, exigindo novas posturas por parte das empresas.

E uma das formas de saber como sua organização está se saindo nesse desafio é calcular a taxa de retenção dos funcionários. Então, que tal continuar a leitura e saber tudo sobre o assunto?

O que é a taxa de retenção de funcionários e como calcular?

Taxa de retenção de funcionários é o índice que permite saber quantos funcionários ficam na empresa dentro de determinado período de tempo. Portanto, para conhecê-la, é preciso saber qual é o índice de turnover (rotatividade de funcionários).

Calculando o turnover

O turnover ou rotatividade de funcionários é calculado da seguinte maneira:

  • Some as admissões do período com as demissões do mesmo período — os últimos 12 meses, por exemplo.
  • Divida o valor encontrado por 2
  • Então, divida o resultado dessa operação pelo total de pessoas
  • Finalmente, multiplique por 100, para ter o resultado em porcentagem.

Veja um exemplo prático:

  • A empresa possui 120 funcionários
  • 25 funcionários foram admitidos nos últimos 12 meses
  • 15 funcionários foram demitidos nos últimos 12 meses

Somando admissões e demissões, temos um total de 40. Dividindo por 2, temos 20. Dividindo 20 por 120 (total de funcionários), temos 0,16. Multiplicando 0,16 por 100, temos 16,66%. Essa seria a taxa de turnover da empresa.

Chegando à taxa de retenção

Considerando que os 120 funcionários correspondem a 100% dos colaboradores, sabemos que a taxa de retenção da empresa é igual a 83,34% (100 – 16,66).

Agora que você já sabe como calcular a taxa de retenção de funcionários, vamos ao próximo ponto: quais são os impactos dela para a organização?

Por que calcular a taxa de retenção na sua empresa?

A contratação, ambientação e treinamento de um novo funcionário é um investimento, certo? Isso significa que você o está preparando para agregar valor à sua marca, executar determinado tipo de atividade e contribuir para os resultados.

Nesse sentido, quanto mais resultados esse investimento trouxer, melhor. Concorda? Portanto, quanto mais tempo o profissional permanece na empresa, mais resultados ele pode gerar.

Outro ponto que você deve considerar é que a permanência das pessoas na sua empresa reflete o nível de satisfação delas com o trabalho. Afinal, quando o ambiente é saudável, propício ao crescimento e ao desenvolvimento, os talentos tendem a ficar.

Porém, quando não eles veem que não têm oportunidades ou não são valorizados, rapidamente buscam outras empresas para trabalhar.

Mesmo que a sua taxa de retenção de funcionários não seja ótima, é um ponto de partida para avaliar o que pode ser mudado. Dessa forma, é possível desenvolver políticas de recursos humanos que atraiam e mantenham os melhores talentos do mercado na sua empresa.

Um terceiro impacto da retenção de funcionários é o financeiro. Se você mantém os talentos por mais tempo, reduz custos com novas contratações e treinamentos, podendo investir em outras áreas.

Como você pode ver, a taxa de retenção de talentos impacta significativamente nas atividades da sua empresa. Mas além disso, ela também pode trazer outros benefícios. Confira a seguir.

Benefícios da retenção de talentos

Uma vez que você tenha identificado sua taxa de retenção de funcionários, já pode começar a pensar em ações que possam diminuir o turnover e elevar a permanência das pessoas na organização. E, claro, começar a colher os seguintes benefícios:

Maior engajamento com a marca

Quando as pessoas se sentem felizes e satisfeitas no trabalho, permanecem na empresa por mais tempo. Mas não é só isso: elas também se sentem mais engajadas com a marca, tornando-se verdadeiras embaixadoras.

Isso representa muito para o mercado e dá destaque à empresa entre potenciais candidatos e também entre os concorrentes. Tornando-se um exemplo de valorização do capital humano, sua empresa só tem a ganhar.

Maior produtividade

Profissionais com mais tempo de empresa dominam processos e os executam com maior velocidade, sem perda de qualidade. Nesse sentido, ao aumentar a taxa de retenção de funcionários sua empresa tende a ganhar em produtividade.

Por conseguinte, pessoas mais produtivas geram mais resultados, compartilham mais insights e estão aptas, inclusive, a otimizar os processos. Até porque os conhecem tão bem que sabem exatamente onde estão as falhas.

Melhor experiência do cliente

Ter funcionários com mais tempo de empresa permite que eles conheçam a fundo a cultura da organização, assim como os processos. Desse modo, o atendimento ao cliente final se torna mais coeso, assertivo e eficaz. Algo que contribui significativamente para a experiência do cliente.

Clientes satisfeitos recomendam a marca, compartilham seus conteúdos na internet e compram mais, é claro. Ou seja, aumentar a taxa de retenção de funcionários influencia até nos seus resultados de vendas.

Cultura organizacional fortalecida

A cultura organizacional é construída a partir da convivência de todos os membros da empresa. Por isso, quanto mais as pessoas convivem, mais compartilham suas crenças e valores, tornando-se uma verdadeira comunidade.

O resultado é uma cultura organizacional mais coesa, com pessoas motivadas e dispostas a contribuir para o crescimento do negócio. Além disso, o clima organizacional se torna mais saudável e a troca de experiências se fortalece.

Melhores relações no trabalho

O relacionamento interpessoal na empresa é um dos fatores-chave para o sucesso de um empreendimento. E ele depende de muitos fatores, inclusive, o entrosamento entre os membros da equipe.

Quando existe uma taxa de retenção de funcionários alta, essas pessoas podem aprender a conviver melhor, a dialogar, a trocar informações. Por outro lado, quando o turnover é alto, o ingresso constante de novos funcionários pode afetar o equilíbrio da equipe.

Já fez o cálculo da taxa de retenção de funcionários na sua empresa e quer começar a melhorar esse índice? Conheça as soluções de employer branding da Companhia de Talentos!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *